Resgatei cachorros de rua e consegui dono para eles

13:57:00

Sabe quando você cruza com uma cachorro na rua, você olha nos olhos dele e vê que ele realmente está precisando da sua ajuda? Foi assim que eu resgatei meus dois anjinhos. Pra quem não está entendendo nada, uns meses atrás eu resgatei uma cachorra grávida da rua. Hoje os filhotes dela estão lindos, gordinhos e aprontando bastante.

Semana passada comecei a divulgar e procurar adoção para eles, mas sinceramente, acho que a maioria das pessoas que gostam já tem animais e não querem mais, quem não tem, normalmente não gosta. Várias pessoas curtiram e compartilharam, mas ninguém fez contato e se interessou. Até que resolvi pedir pra um ong que eu frequentava divulgar a família. Eu e a diretoria da ong decidimos então que seria melhor eles irem para seus cuidados, o que é muito melhor porque as pessoas que procuram uma ong destinada a cuidar e doar animais de rua, realmente estão interessadas. Confesso que meu coração fica apertadinho de pensar que não vou ter mais essas fofuras no meu dia a dia, mas eles merecem uma chance de ter uma família que dê muito amor para eles, aliás, foi por isso que os resgatei.


Hoje, quando eu voltava da escola, me deparei com um poodle perdido, parecia que não sabia viver na rua, quase morrendo atropelado em uma das ruas mais perigosas de onde eu moro, meu coração praticamente gritou para eu fazer algo e acabei trazendo ele para minha casa. Fiquei a tarde inteira fazendo ligações e decidindo o que iria fazer com ele, pois já tinha dez cachorros aqui em casa. Felizmente agora pouco recebi a notícia de que uma amiga da minha avó ficou interessada e vai querer mesmo o cachorro. 

Agora preciso contar a versão da minha mãe pra vocês... a vontade real dela era me expulsar de casa com todos os cachorros que arrumei até hoje (nove, contando com os filhotes), mas ela é tão maravilhosa e preocupada que atura esse bando de cachorro cagando na casa dela... tudo bem, ás vezes ela fica brava e briga comigo, mas nada se compara a ela deixar eu fazer isso tudo, não é pra qualquer mãe.

Fiz esse texto pra contar minhas aventuras como uma apaixonada por animais, mas também pra passar uma mensagem de que os cachorros e os gatos não são acessórios, não podemos jogar fora quando estivermos enjoados ou bravos porque eles fizeram besteira. Assim como a gente, eles sentem dor, fome, e tem sentimentos. Então não vamos amar somente os humanos, mas também os animais. Garanto que não vão se decepcionar.

(nessa foto eu tentei segurar os sete filhotinhos mas vocês podem ver que não deu muito certo)

You Might Also Like

0 comentários

Like us on Facebook

Flickr Images