O dia em que eu finalmente me arrumei

16:07:00

É verdade, todo mundo que já conviveu pelo menos um pouco comigo sabe o quanto sou confusa, bagunçada. E essa bagunça vai desde o meu quarto, até o meu coração. Sempre tem aquela pessoa que mexe com a gente né? Que só de te dar um simples "Oi" já é coração disparando, borboletas viajando e tudo mais. Dia desses, essa pessoa que sempre fez meu coração disparar veio falar comigo, assim, como se nada tivesse acontecido. Como se eu não tivesse virado noites chorando por causa dele. Como se a gente não tivesse se amado. Como se não existisse uma história por trás de nós dois. E adivinhem! Nada aconteceu, nem um suspiro. Óh, nadinha. Pela primeira vez ta tudo arrumadinho aqui dentro. Pela primeira vez eu sei quem eu quero e o que eu quero.
Não digo que esqueci porque seria mentira. Não dá pra se esquecer alguém que te fez feliz, as lembranças ficam, claro. Mas não me causa mais o que causava antes, agora é só uma pessoa como todas as outras, não me causa sorrisos bobos e nem noites cheias de lágrimas. E fico feliz por isso, porque sei que se hoje eu to "arrumadinha", foi um recomeço interno.

You Might Also Like

0 comentários

Like us on Facebook

Flickr Images